Visitar Lisboa – roteiro de 2 dias

Visitar Lisboa – roteiro de 2 dias

Visitar Lisboa: é na bacia do rio Tejo, já quase voltada para o Atlântico que se situa a bela cidade de Lisboa, a capital de Portugal. Com origens milenares, esta é uma cidade que respira história em qualquer canto, seja da Olissipo romana, da Al-Ushbuna muçulmana ou Lisboa do Marquês de Pombal.

Actualmente, Lisboa está na moda, porque que disponibiliza aos visitantes tudo aquilo que procuram num destino turístico: bom clima, bons acessos e mobilidade, eventos culturais, museus, monumentos históricos e gastronomia.

Para quem pensa em visitar Lisboa, preparei este artigo onde compilo os locais de referência da capital para serem vistos em dois dias. Espero que gostem e acima de tudo que seja útil!

Visitar Lisboa – roteiro de 2 dias:

 

1 – Quando visitar?

Todas as estações são boas para visitar Lisboa, preferencialmente na Primavera e Outono. No Verão as temperaturas são bastante altas, mas o calor pode ser atenuado pela brisa refrescante provocada pela proximidade do oceano. No fim da Primavera, mais precisamente no mês de Junho, as Festas dos Santos Populares são um excelente motivo para visitar a cidade e sentir toda a vibração dos bairros históricos.

2 – Quanto tempo é necessário para visitar?

Na minha opinião são precisos no mínimo 2 dias completos. Antes da viagem, faça um roteiro das locais a visitar, mas não seja inflexível, deixe algum espaço livre para improvisar e fazer algo que não está nos seus planos.

3 – Alugar carro, sim ou não?

Estando a cidade de Lisboa muito bem servida a nível de transportes públicos (metro, elétrico, comboio e autocarro), na minha opinião não compensa alugar carro, se for para andar exclusivamente dentro da capital. Alugue carro se pretender sair de Lisboa e explorar outras regiões, como Sintra, a Costa da Prata ou a Serra da Arrábida.

 

4 – Onde dormir em Lisboa?

A cidade de Lisboa apresenta uma excelente oferta de alojamento (mais de 500), nomeadamente em apartamentos, alojamentos locais, hotéis e hostels. Mediante o tipo de alojamento, os preços podem variar entre os 20 e os 400 euros por noite. Os preços são mais caros nos fins de semana e épocas altas e convém reservar com alguma antecedência face à procura que existe actualmente. Eu aluguei um apartamento nos City Stays Cais do Sodre Apartments perto da Estação do Cais do Sodré. O apartamento além de muito bem localizado (apenas 200 metros da Praça do Comércio) estava todo equipado (máquina de lavar roupa, máquina de lavar loiça, frigorífico e microondas), era espaçoso, limpo e acolhedor e o staff que nos recebeu era muito simpático e prestável.

 

5 – Como me deslocar?

É muito fácil andar em Lisboa de transporte público, quer seja por metro, por elétrico ou autocarro. Para viajar no metro, tem que comprar o cartão Viva nos balcões das estações e carregá-lo nas máquinas. Para os autocarros, pode comprar os bilhetes ao motorista. Em relação ao famoso elétrico 28, que segue em direção do Castelo de S. Jorge, não aconselho, está sempre cheio e é um nicho de mercado para os carteiristas. Mais informações no site da Carris.

 

6 – Restaurantes, onde ir?

Zona de Belém:

Adamastor (comida tradicional) Rua de Belém – preço por pessoa: 12 euros

Para a sobremesa, aconselho a visita aos famosos Pastéis de Belém.

Pasteis de Belém

Na fila para comprar os Pasteis de Belém – visitar Lisboa

 

Zona de Alfama

Restaurante Cana Verde (comida tradicional) Largo do Chafariz de Dentro – preço por pessoa: 12 euros

 

7 – Que locais a visitar?

– Mosteiro dos Jerónimos

Testemunho da genialidade da arquitetura portuguesa, o Mosteiro dos Jerónimos ergueu-se no inicio do séc. XVI, pela vontade do rei D. Manuel I em honrar a memória do Infante D. Henrique e pela sua devoção a S. Jerónimo. Aqui estão sepultados dois vultos da história de Portugal: Vasco da Gama e Luis Vaz de Camões. O Mosteiro está classificado como Monumento Nacional desde 1910 e como Patrimonio Cultural da Humanidade desde 1983.

Mosteiro dos Jerónimos

Mosteiro dos Jerónimos – visitar Lisboa

 

– Museu Nacional de Arqueologia 

Museu localizado no antigo dormitório do Mosteiro dos Jerónimos, foi fundado em 1893 pelo arqueólogo e etnógrafo Leite de Vasconcelos. O Museu Nacional de Arqueologia está organizado por diversas salas temáticas com espólio arqueológico de várias cronologias, desde a pré-história ao periodo romano. Existe um espaço dedicado à egiptologia, onde é possivel observar algumas mumias.

Museu Nacional de Arqueologia

Museu Nacional de Arqueologia – estátuas romanas – visitar Lisboa

 

– Torre de Belém

A Torre de Belém é sem duvida um dos mais monumentos icónicos de Portugal. Construida no tempo de D. Manuel I para a defesa da barra do Tejo, assume-se como um dos testemunhos mais importantes da arquitetura manuelina numa fusão entre a torre de menagem medieval e o baluarte do periodo moderno. Está classificada como Monumento Nacional e como Património Mundial da Humanidade juntamente com o Mosteiro dos Jerónimos.

Torre de Belém

Torre de Belém – visitar Lisboa

 

– Padrão dos Descobrimentos

Com mais de 50m de altura e 46 m de comprimento, o Padrão dos Descobrimentos é um monumento que surge isolado e destacado junto à margem direita do Tejo, na zona de Belém. A sua construção, datada de 1940 e melhorada em 1960, teve como objetivo homenagear as grandes personagens figuras históricas envolvidas nos Descobrimentos. 

Padrão dos Descobrimentos (2)

Padrão dos Descobrimentos – visitar Lisboa

 

– Praça do Comércio (Terreiro do Paço)

A Praça do Comércio, também conhecida por Terreiro do Paço está localizada na baixa de Lisboa e é considerada como o grande elemento central do plano de reconstrução da cidade após o terramoto de 1755. No seu centro encontra-se a estátua equestre de D. José I e na parte norte a praça é fechada pelo belo Arco Triunfal que dá acesso à Rua Augusta.

Praça do Comercio Lisboa

Terreiro do Paço – visitar Lisboa

 

– Rua Augusta

É a rua mais famosa de Lisboa, um importante eixo pedonal que liga a Praça do Comércio à Praça do Rossio. Para quem anda à procura de locais para compras e artistas de rua, este é o sitio certo.

Rua Augusta Lisboa

Artista de rua – Rua Augusta – visitar Lisboa

 

– Rossio

O Rossio (também conhecido por Praça D. Pedro IV) é uma das praças mais importantes da baixa pombalina. Este espaço é um ponto estratégico da cidade, quer pela sua importância ferroviária quer pelas ligações que faz entre os vários eixos viários e praças existentes. Aqui também se destaca a presença de edificios publicos de grande valor como é o caso do Teatro Nacional D. Maria II ou a Estação do Rossio.

Estação do Rossio

visitar Lisboa – Estação do Rossio

 

– Sé de Lisboa

A Sé é um dos monumentos mais antigos de Lisboa e foi construída depois da conquista da cidade aos mouros em 1147. O templo, de origem arquitetónica românica, acabou por sofrer algumas alterações durante o período gótico e barroco. A Sé de Lisboa está classificada como Monumento Nacional.

Sé de Lisboa

Sé de Lisboa – visitar Lisboa

 

– Castelo de S. Jorge

O Castelo de S. Jorge é um dos monumentos históricos que mais se destaca em Lisboa, tanto pela sua implantação, no alto da cidade, quer pela sua grandiosidade arquitectónica. Construido entre os sécs. X – XI pelo mouros, foi reconquistado por D. Afonso Henriques em 1147 e assumiu a função de paço real a partir do séc.XIII. Uma visita pelo interior do castelo oferece-nos uma vista incrivel da cidade de Lisboa. Está classificado como Monumento Nacional.

Castelo de São Jorge

Castelo de S. Jorge – visitar Lisboa

 

– Miradouro das Portas do Sol

As Portas do Sol é um dos miradouros mais famosos de Lisboa, uma autêntica varanda para o rio Tejo. Este é um dos espaços mais concorridos da capital, com centenas de pessoas a desfrutarem da vista, não só para o rio, mas também para a parte alta de S. Vicente, para o Panteão Nacional e Igreja de Santo Estevão.

Portas do Sol Miradouro Lisboa

visitar Lisboa

 

– Igreja de S. Vicente de Fora

Esta imponente igreja situada em Alfama, foi construída no final do séc. XVI e é considerada um dos grandes legados da dinastia filipina. Nas suas dependências está localizado o Panteão Real dos Braganças e o Panteão dos Patriarcas de Lisboa. A Igreja de S. Vicente de Fora está classificada como Monumento Nacional.

Igreja de São Vicente - visitar Lisboa

Igreja de S. Vicente – visitar Lisboa

 

– Panteão Nacional

O Panteão Nacional, originalmente conhecido como Igreja de Santa Engrácia, localiza-se na freguesia de S. Vicente e aqui estão sepultadas algumas personalidades relevantes da história portuguesa, como Almeida Garrett, Humberto Delgado, Sidónio Pais, Guerra Junqueiro ou Amália Rodrigues. Este templo foi construído no final do séc. XVII e só foi concluído 284 anos depois, em 1966, originando a popular expressão “obras de Santa Engrácia“. O Panteão está classificado como Monumento Nacional.

Panteão Nacional

Panteão Nacional – visitar Lisboa

 

8 – Tenho 3 a 4 dias para a viagem, que outros locais posso visitar?

Bem, não faltam pontos de interesse na cidade de Lisboa para preencher uma viagem de 4 dias. Apresento outros locais que podem complementar a lista que apresentei acima:

  • Museu Militar
  • Centro Cultural de Belém
  • Museu Nacional de Arte Antiga
  • Oceanário de Lisboa
  • Jardim Zoológico de Lisboa
  • Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT)

9 – Quanto vou gastar?

Fazendo a estimativa às despesas realizadas por casal, a viagem teve o seguinte custo:

Voos – Porto-Lisboa-Porto (100 euros) – 2 adultos e 1 bebé

Alojamento (1 noite) = 50 euros – 2 adultos e 1 bebé

Alimentação  (1 jantar e 2 almoços, média 12 euros/pessoa por refeição) = 70 euros

Transportes públicos – metro e autocarro (12 euros)

Outras despesas – museus (50 euros)

Total do custo da viagem (valor aproximado) = 282 euros por casal / 141 por pessoa

 

ORGANIZAR A SUA VIAGEM

ALOJAMENTO EM LISBOA

Reserve aqui alojamento em Lisboa


Booking.com

ALUGAR CARRO

Reserve aqui o seu automóvel 

 

SEGURO DE VIAGEM

Faça aqui o seu seguro de viagem 

Precisa de ajuda para elaborar um roteiro? Entre em contacto comigo por email.

 

Mapa de Lisboa

Facebook Comments

Pedro Henriques

Blogger de Viagens

11 opinions on “Visitar Lisboa – roteiro de 2 dias”

  1. Adorei o roteiro bem completo, Pedro Henriques! Fez-me notar que deixe de conhecer muitas coisas importantes quando estive em Lisboa hehehe
    Preciso voltar então! 😉 Abraço

  2. Adorei o roteiro bem completo, Pedro Henriques! Fez-me notar que deixe de conhecer muitas coisas importantes quando estive em Lisboa hehehe
    Preciso volta então! 😉 Abraço

Deixar uma resposta