Fabrica de Rum em Pinar del Rio, Cuba

Fabrica de Rum em Pinar del Rio, Cuba

O rum é um dos produtos mais famosos e apreciados de Cuba.  Aquando da minha visita a este belo país das Caraíbas, tive a oportunidade de visitar uma fabrica de rum em Pinar del Rio, uma cidade que fica a cerca de 170 km a sudoeste de Havana. Esta cidade, tal como outras em Cuba, tem a particularidade de possuir os edifícios de traça neoclássica com cores vivas e variadas que dão um especial a este centro urbano. Apesar de pequena, Pinar del Rio possui alguns elementos turísticos que merecem uma visita: a Catedral, o Teatro José Jacinto Milanês, o Museu Provincial de História, o Museu de Ciências Naturais, a Fabrica do Tabaco e a Casa Garay, a fabrica onde se produz o rum.

A Casa Garay fundada em 1892, produz o famoso licor conhecido como “Guayabita del Pinar” que acabou por se tornar um símbolo de Pinar del Rio. O licor é  produzido com o álcool obtido a partir da goiaba que é colhida em estado selvagem nas montanhas de Pinar del Rio. A destilação desta bebida é apresentada sob duas formas: o licor, muito doce e a Guayabita Seca, muito seca.

Quando entramos no interior da fabrica sentimos de imediato a propaganda do revolução cubana, seja com quadros, fotografias ou pinturas.  Depois de observarmos as infraestruturas para a produção do licor, visitamos a adega onde estão depositadas as pipas com o precioso liquido. É nos dado a provar tanto a semente de goiaba, como depois uma amostra da Guayabita del Pinar. No final da visita, somos orientados para a loja da fabrica onde se podem comprar, além dos licores, outros produtos como os famosos charutos cubanos. Uma garrafa de Guayabita del Pinar custou cerca de 4 CUC (perto de 4 euros).

Pinar del Rio 1

Pinar del Rio1

Pinar del Rio

Pinar del Rio 12

Casa Garay

Pinar del Rio 8

Casa Garay

Pinar del Rio 3

Casa Garay

Pinar del Rio3

Casa Garay

Pinar del Rio 1C

Adega

Pinar del Rio 5

 

 

 

Pinar del Rio 17
Semente de goiaba

Hotéis 

Voos para Cuba

Mapa de Pinar del Rio

Facebook Comments

Pedro Henriques

Blogger de Viagens

Deixar uma resposta