Poupar para viajar

Poupar para viajar

Viajar não é uma coisa de ricos“…quem o afirma é Filipe Morato Gomes um dos grandes viajantes portugueses da actualidade e eu não poderia estar mais de acordo. Como em tudo na vida, é preciso estabelecer prioridades, e se temos o objectivo de conhecer o mundo,  poderemos ter que fazer alguns sacrifícios, deixando de ter ou fazer coisas de que gostamos.

Como é óbvio não vamos andar a fazer cortes em bens de primeira necessidade, como é o caso da alimentação, o alojamento ou a saúde, e também sei que nesta altura difícil do país existem pessoas que mal conseguem pagar as contas, mas para quem consegue “poupar algum”, certamente existem outros aspectos de natureza mais supérflua em que se podem fazer algumas mexidas.

Eu quando comecei a viajar, também alterei algumas rotinas e abdiquei de certas coisas de modo a poupar mais uns euros para poder aplica-los nas viagens… mas para quem alimenta o sonho de sair da “zona de conforto” e conhecer outras latitudes e longitudes, verá que valerá bem a pena esse esforço.

Trata de estabelecer uma meta. Para onde queres viajar? E por quanto tempo?? Uma coisa é estares a poupar para passares uma semana na Eslováquia, outra coisa é estares a pensar em passar 1 mês pelo Sudeste Asiático…

Aqui ficam 6 dicas que podem ajudar – te a poupar para viajar!

1- Conta poupança viagens

dreamstimefree_38072

Foi assim que comecei. Como agora a tua prioridade para viajar é maior, estabelece mensalmente um valor para as tuas poupanças de viagem. Podes configurar automaticamente uma certa percentagem do teu salário para essa conta. Imagina, transferires para a tua conta 10% do que apurares por cada mês…Lembra-te, grão a grão… 😉

2 – Cortar na cafeína e na “noite”

coffee with cream

 

Será que tens que tomar vários cafés todos os dias?? Eu também adoro café, mas faz as contas: diariamente 2 cafés (cerca de 1,20 euros) , ao fim de um ano dá a quantia de 438 euros…já é um dinheirito certo? Mas, se cortares um café diário,no fim desse período já  tens um saldo de cerca 220 euros…nada mau, hein?? Quem diz nos cafés, diz também nas jantaradas e copos na noite…é só fazer as contas hehe!  Há uns anos eu jantava fora com os amigos todas as semanas, e ás vezes vários dias por semana… acabei por alterar esse hábito e poupei muito “guito” com essa redução, que pelas minhas contas chega a ser uma média de cerca 500 euros por ano ;-).  Mas obviamente, de vez em quando, continuo a participar nesses convívios, que fazem falta e são muito saudáveis.

Mais uma dica…para os fumadores…um maço por dia (cerca de 4 euros),  1460 euros ao fim  do ano…a minha viagem para a Tailândia (3 semanas) não chegou a 1200 euros..dá que pensar não é??

3 – Arranjar um trabalho extra

Actualmente as coisas não estão fáceis para arranjar trabalho…mas quem for perspicaz e dinâmico consegue de certeza alguma coisa. Biscates de fins de semana nos cafés, restaurantes, servir em casamentos, trabalhar online, é uma questão de ver as necessidades do mercado. Eu por mim falo, porque sem os meus rendimentos extra-trabalho, dificilmente viajaria tanto.

4 – Vende o que não precisas

É uma boa oportunidade para despachares coisas que não usas / necessitas e ainda podes ganhar uns euros extra! Desde roupas, livros, electrodomésticos, etc, etc… utiliza as plataformas de venda online como o Custo Justo, OLX ou o Coisas.

5 – Reduz a utilização do carro.

dreamstimefree_35091 (1)

Com o preço dos combustíveis sempre em alta, porque não usar os transportes públicos, ou pegar na bicicleta que está encostada há meses na garagem, ou mesmo andar a pé? Além de poupares nos gastos de combustível, fazes exercício físico! Usa também as recém criadas bolsas de boleias no Facebook 🙂 além de gastares menos, é uma oportunidade de conheceres malta nova.

6 – Cortar TV Cabo

Valerá a pena pagar uma mensalidade da TV por Cabo, quando podes aceder gratuitamente  a vários canais de TV pela internet?? Serão no mínimo uns 20 euros todos os meses a sair da carteira…se não consegues passar sem a Tv por cabo, podes sempre ligar para os fornecedores tentar renegociar o contrato, não perdes nada. Sei de amigos meus que baixaram a mensalidade em cerca de 15 euros! Já vale a pena tentar, certo?

Vê aqui como podes poupar dinheiro na compra de bilhetes de avião 

e como podes reservar alojamento mais barato!

Tens outras ideias para poupar? Partilha no Espírito Viajante!

Facebook Comments

Deixar uma resposta